Search
Geração X está sendo esquecida pelo marketing – iSee Retail Agency
10997
single,single-post,postid-10997,single-format-standard,eltd-core-1.0,woly-ver-1.0,eltd-smooth-scroll,eltd-smooth-page-transitions,eltd-mimic-ajax,eltd-grid-1200,eltd-blog-installed,eltd-main-style1,eltd-disable-fullscreen-menu-opener,eltd-header-standard,eltd-sticky-header-on-scroll-up,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-menu-item-first-level-bg-color,eltd-dropdown-default,eltd-,eltd-header-standard-disable-transparency,eltd-fullscreen-search eltd-search-fade,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Blog

iSee Retail Agency / Varejo  / Geração X está sendo esquecida pelo marketing

Geração X está sendo esquecida pelo marketing

Estudo da Sparks & Honey mostra que os consumidores entre 35 e 50 anos são os que mais possuem poder de compra e decisão no momento

A geração X, composta por aqueles que têm entre 35 e 50 anos, possui mais poder de compra que qualquer outra geração. Ela representa, por exemplo, nos Estados Unidos, 31% do PIB, ainda que seja apenas um quarto da população.

Apesar de seu potencial, os profissionais de marketing estão deixando de lado este grupo, de acordo com um estudo da Sparks & Honey publicado pelo Advertising Age. O “Gen X at 50”, que inclui um misto de pesquisa e insights de ferramentas da Omnicom Agency, revela que a geração X deveria ser um importante target para os profissionais de marketing por uma série de razões, dentre elas, o poder de compra.

Sean Mahoney, vice-presidente e diretor editorial da Sparks & Honey, diz que toda a atenção está voltada aos millennials e ninguém está prestando atenção à geração X. “Eles são realmente os que possuem poder, poder na carteira, conduzem os lares, influenciam na política e estão no centro de tudo, quando você pensa numa perspectiva publicitária há uma oportunidade enorme”, diz Mahoney.

Quase a metade dos integrantes dessa geração, 48%, dizem que fornecem cuidados financeiros para menores ou maiores e 34% informaram que seus pais dependem deles para apoio emocional. Mais de um quarto, 27%, dizem que constituem os meios primários de apoio financeiro para ao menos um millennial.

Quando o assunto é conteúdo, a pesquisa mostra que a geração X se informa por meios tradicionais, 62% via jornais, 48% escutam rádios e 85% utilizam a TV como meio principal. É a geração que também está inserida nas redes sociais com 81% de presença no Facebook, 5,9 milhões de usuários no Snapchat e 75,3%  no e-commerce.

“Não é necessária a criação de plataformas e conteúdo especifico para a geração X”, disse Mahoney, afirmando que esse consumidor é capaz de se adaptar e utilizar as novas plataformas digitais.

Fonte: Meio e Mensagem

No Comments

Leave a Reply